www.asyabahis.org dumanbet.live pinbahiscasino.com www.sekabet.net www.olabahisgir.com www.maltcasino.net faffbet-giris.com www.asyabahisgo1.com www.dumanbetyenigiris.com pinbahisgo1.com sekabet-giris2.com www.olabahisgo.com www.maltcasino-giris.com faffbet.net betforward1.org betforward.mobi 1xbet-adres.com 1xbet4iran.com romabet1.com www.yasbet2.net 1xirani.com www.romabet.top 3btforward1.com 1xbet 1xbet-farsi4.com سایت شرط بندی معتبر
29.5 C
Rondonópolis
sábado, julho 13, 2024

Buy now

Mauro participa da 1ª reunião de Lula com governadores e defende agenda para viabilizar obras

O governador Mauro Mendes participou, hoje, do encontro dos governadores com o presidente Lula e o vice, Geraldo Alckmin e ministros. Eles assinaram uma carta aberta expondo que o encontro “de hoje ratificou o desejo de todos para que  pacto federativo funcione em um ambiente cooperativo e eficiente para superar os entraves econômicos e para lidar com as grandes necessidades do povo”. Lula manifestou aos governadores que as portas do seu gabinete ‘estão abertas’ para tratar das demandas específicas de cada Estado.

Mauro avaliou que “temos que reconhecer como louvável essa posição do presidente Lula de chamar os governadores para o diálogo. Cada um dos 27 governadores temos dever de cuidar da população que vive nos nossos Estados. O presidente Lula tem a grande responsabilidade de cuidar da nação. O respeito a democracia é muito importante e cada um tem que cumprir bem o seu papel”, afirmou Mauro, para a CNN. “Quando ele abre o diálogo isso é positivo, louvável. Eu disse lá e repito aqui que isso possa ser uma prática continuada e que todos nós devemos nos esforçar para construir uma agenda em prol do país”, acrescentou Mauro, que preside o consórcio de governadores do Centro-Oeste.

Ele apresentou as demandas dos Estados do Centro-Oeste apresentando demandas comuns e foram apresentadas algumas propostas. “Sabemos que o Brasil não tem muito dinheiro hoje para fazer grandes obras importantes no país. Mas que pode ser feita uma agenda que não depende de dinheiro público, mas com obras projetos e ações que dependem muito mais de vontade, de marco regulatório, são concessões é o licenciamento ambiental no país que é muito lento. Se formos competentes para destravar essa agenda o mercado, a iniciativa privada tem apetite para investir centenas de projetos em todo país. A competência para se organizar essa agenda e colocar em marcha é fundamental e só ela pode fazer o Brasil crescer 2 ou 3 pontos percentuais durante os próximos anos”, apontou.

Em Mato Grosso, ano passado, o governo do Estado concedeu licença para construção da ferrovia estadual ligando Rondonópolis a Cuiabá, Nova Mutum e Lucas do Rio Verde. O primeiro tenho, de Rondonópolis a Cuiabá, está sendo feito pela iniciativa privada com investimentos de R$ 12 bilhões e deve ser concluída em 2028 com os trilhos chegando em Lucas.

Só Notícias 

Artigos relacionados

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias