28 C
Rondonópolis
segunda-feira, abril 15, 2024

Buy now

Lula bate o martelo e define quais pastas terão novos ministros

Após um período de incerteza política, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está determinado a consolidar sua reforma ministerial, que assinala a entrada do Centrão em seu governo. Recentemente, uma conversa com Arthur Lira resultou em importantes decisões para a composição ministerial, que estão sendo aguardadas com grande expectativa pelo PP e Republicanos.

Nesse cenário de mudanças, Silvio Costa Filho, representante do Republicanos, foi escolhido para assumir a liderança do Ministério dos Portos e Aeroportos. Enquanto isso, André Fufuca, membro do PP, foi designado para o Ministério do Desenvolvimento Social. A informação é da coluna Lauro Jardim, do jornal O Globo.

Com a entrada de Fufuca no MDS, a tendência é que o controle do Bolsa Família fique nas mãos de Ester Dweck, ministra de Gestão. Lula já deixou claro que não tem a intenção de perder o protagonismo do programa social.

Caixa Econômica
O PP também assumirá o controle da Caixa Econômica Federal. O entendimento do partido é que ter o presidente e os vice-presidentes do banco pode ser visto como administrar três ministérios, destacando a relevância da instituição para a administração pública.

Novas reuniões estão previstas para acontecer entre hoje e amanhã. Lula se encontrará com o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha (PT-SP), e outros líderes partidários. A intenção é finalizar os acordos e definir os últimos detalhes antes dos anúncios oficiais, que estão previstos para serem feitos amanhã.

O desenrolar da reforma ministerial de Lula e a entrada do Centrão no governo têm gerado discussões intensas e expectativas sobre o impacto dessas mudanças na dinâmica política do país.

O governo espera ter mais facilidade na aprovação de pautas no Congresso Nacional a partir da pequena reforma ministerial.

IG NOTÍCIAS

Artigos relacionados

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias