25.1 C
Rondonópolis
segunda-feira, abril 15, 2024

Buy now

Medeiros detona o PT e a proposta de retorno do imposto sindical

O deputado federal José Medeiros (PL-MT) criticou a proposta do governo do PT em trazer de volta a cobrança do imposto sindical obrigatório extinto em 2017. Vice-líder do bloco de oposição ao governo Lula na Câmara Federal, Medeiros classifica a iniciativa de retrocesso e de apropriação do salário do trabalhador, que em sua maioria é contra a obrigatoriedade do imposto. Ele lembra ainda que a maioria dos sindicatos são tentáculos do Partido dos Trabalhadores e que arrecadavam bilhões quando o imposto era obrigatório. 

“Cada dia fica mais claro o projeto de poder do PT. Eles propagam que protegem os pobres, mas na verdade eles estão aqui para achacar os trabalhadores. O governo do PT não tem projeto para o Brasil, eles têm projeto de poder e querem usar a obrigatoriedade do imposto sindical para financiar shows com artistas caros no dia 1º de Maio, gastar milhões de reais do bolso dos brasileiros para manter esse plano de dominação”, frisou o parlamentar.

Medeiros afirma que a oposição na Câmara Federal está trabalhando para evitar o retorno da obrigatoriedade da contribuição, que retira três dias do salário do trabalhador por ano. Para ele, ignora o fato que o Congresso Nacional extinguiu a contribuição sindical obrigatória e a tornou opcional na reforma trabalhista aprovada em 2017.

“Vamos atuar firmemente para barrar essa farra petista com dinheiro suado do trabalhador”.

ASSESSORIA

Artigos relacionados

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias