22 C
Rondonópolis
terça-feira, março 5, 2024

Buy now

Polícia Federal e Ibama fazem operação do comércio ilegal de mercúrio em Alta Floresta, Peixoto, Cuiabá e mais 5

A Polícia Federal e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) deflagraram, esta manhã, a operação Hermes (Hg) II, com o objetivo de apurar e reprimir crimes contra o Meio Ambiente, especialmente por meio do comércio e uso ilegal de mercúrio, organização e associação criminosa, receptação, contrabando, falsidade documental e lavagem de dinheiro, no Mato Grosso, Amazonas, São Paulo e Rio de Janeiro.  

Em Mato Grosso, são cumpridos 29 mandados, todos de buscas e apreensões, 15 deles em Cuiabá, seis em Poconé, três em Peixoto de Azevedo, Alta Floresta, Cáceres, Pontes e Lacerda, Nossa Senhora do Livramento e Nova Lacerda, é cumprido um mandado por cidade. 

Os crimes em apuração estão intrinsecamente relacionados ao contrabando e acobertamento de mercúrio, que tem por destino o abastecimento de garimpos em áreas que compõem a Amazônia.

A fase 1 deflagrada em dezembro do ano passado, foi a maior operação policial do país deflagrada para desarticulação de uso ilegal de mercúrio e iniciou-se a partir da investigação de uma empresa com sede em Paulínia, interior do estado de São Paulo, que utilizava criminosamente de suas atividades autorizadas produzir créditos falsos de mercúrio em sistema do IBAMA.  

A partir da análise de milhares de fontes bases (documentos e dispositivos eletrônicos), durante mais de dez meses, a Polícia Federal identificou uma extensa cadeia organizada de pessoas físicas e jurídicas envolvidas no esquema ilegal de comércio de mercúrio e ouro extraído de garimpos na Amazônia e retirou 7 toneladas de créditos de mercúrio dos sistemas do IBAMA, informou a PF.

A operação deflagrada hoje, busca aprofundar ainda mais as investigações, buscando provas do funcionamento desse esquema, do envolvimento dessas pessoas, especialmente os principais responsáveis pelo comércio e os respectivos compradores finais do mercúrio ilegal, além de identificar o patrimônio construído para ocultar a atividade ilícita e os ganhos oriundos dela.

Ouro apreendido em Alta Floresta
Buscas em Peixoto de Azevedo

Redação Só Notícias 

Artigos relacionados

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias