22.2 C
Rondonópolis
sexta-feira, maio 24, 2024

Buy now

Brasileirão 2024: árbitros vão explicar decisões do VAR

O Brasileirão 2024 vai começar neste final de semana com um novidade na arbitragem. Os árbitros vão explicar as decisões revisadas pelo VAR ao público já a partir da primeira rodada da competição. Os anúncios pelo sistema de som das arenas serão feitos pelo microfone que os árbitros já usam. 

A novidade vai começar com dois jogos no domingo (14), que serão transmitidos pela tv aberta. Os confrontos entre Vasco e Grêmio, em São Januário, e Corinthians e Atlético-MG, na Neo Quimíca Arena, ambos às 16h, serão os primeiros a contar com a nova tecnologia.

A medida segue a orientação do presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, de dar cada vez mais transparência nas decisões da arbitragem. A Comissão de Arbitragem da CBF recebeu a aprovação da FIFA para implementar o recuso. A comunicação da decisão foi testada recentemente nos Mundiais de Clubes da FIFA. A novidade foi testada recentemente na final da Supercopa Feminina 2024.

Comissão de Arbitragem da CBF, durante preparação do VAR para a temporada 2023Comissão de Arbitragem da CBF durante preparação do VAR
Créditos: Rodrigo Ferreira/CBF

Em fevereiro, a árbitra Deborah Cecília Cruz Correia anunciou para os torcedores que anularia o gol do Cruzeiro marcado irregularmente por Byanca Brasil, durante jogo entre o time mineiro e o Corinthians, na Neo Química Arena. O VAR recomendou que a árbitra revisasse a jogada. Pelo replay, ela assinalou toque no braço da jogadora cruzeirense, invalidou o gol e fez o anúncio para o público.

“Entendemos que é um avanço muito grande essa ferramenta de transparência. A CBF já trabalha com o telão ao vivo das revisões, com as linhas virtuais no telão e na televisão. Essa novidade é um respeito para quem está nas arquibancadas e para quem está assistindo pela televisão. É esclarecedor e dá mais credibilidade para a figura do árbitro. Além da transparência, revelar as decisões, humaniza a figura do árbitro e dá a ele o poder de explicação para que as pessoas entendam desde quando ele toma a decisão final”, disse o presidente da Comissão de Arbitragem da CBF.

Fonte: Assessoria CBF

Artigos relacionados

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias