22.1 C
Rondonópolis
terça-feira, abril 23, 2024

Buy now

Orçamento Secreto: apoiadores de Pacheco receberam R$ 2,3 bilhões

Senadores que apoiaram a campanha de Rodrigo Pacheco (foto) para a presidência do Senado receberam ao menos R$ 2,3 bilhões em emendas do Orçamento Secreto ao longo de 2021, diz o Estadão. 

Dos 57 parlamentares que apoiaram Pacheco, 38 informaram ao STF, por determinação da Corte, ter recebido recursos públicos.

Ainda de acordo com o levantamento do jornal, o volume de verbas distribuído aos aliados do atual presidente do Senado foi bem maior que o entregue a três dos 21 senadores que apoiaram Simone Tebet; eles receberam R$ 130 milhões.

“Entre os apoiadores de Pacheco, a média das emendas indicadas foi de R$ 92 milhões no ano passado. Os eleitores de Simone tiveram, por sua vez, R$ 43 milhões, em média, para usar em redutos eleitorais.”

O senador Marcos do Val admitiu em entrevista ao Estadão que recebeu emendas do Orçamento Secreto como prêmio por apoiar a eleição de Pacheco à Presidência do Senado.

Ele afirmou ainda que só soube que as emendas chegariam a R$ 50 milhões após a eleição do senador mineiro à presidência, em fevereiro de 2021.

FONTE: O ANTAGONISTA

Artigos relacionados

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias