35.1 C
Rondonópolis
terça-feira, junho 18, 2024

Buy now

Rússia diz que envio de caças F-16 à Ucrânia provocará ‘escalada de conflito’

A Rússia condenou a decisão da Holanda e da Dinamarca de enviarem à Ucrânia os caças F-16. O embaixador russo em Copenhague, Vladimir Barbin, disse que a proposta levará a uma “escalada de conflito”, segundo a agência estatal Tass. 

“A transferência de 19 caças F-16 da Dinamarca para a Ucrânia leva a uma escalada do conflito”, disse o diplomata Vladimir Barbin em comunicado. “Sob o pretexto de que a própria Ucrânia deve determinar os termos da paz, a Dinamarca, por suas ações e palavras, está tentando deixar Kiev sem escolha a não ser continuar o confronto militar com a Rússia”, acrescentou. 

“Esta posição empurra a Ucrânia para o abismo e condena seu povo a novos sacrifícios. Não haverá outro resultado da decisão da Dinamarca de transferir os jatos F-16 para a Ucrânia”, declarou o embaixador russo em Copenhague. 

O anúncio foi feito neste domingo (20) minutos depois que os dois líderes inspecionaram dois jatos F-16 cinza estacionados em um hangar na base holandesa na cidade de Eindhoven, no sul do país.

Holanda tem 42 F-16 disponíveis

Nem os holandeses nem os dinamarqueses detalharam quando entregariam os aviões, ou quantas unidades, mas Rutte disse que esperava que isso ocorresse em breve. O premiê holandês relatou que a Holanda tem 42 F-16 disponíveis, mas que ainda era cedo para confirmar quantos seriam doados.

O país e a Dinamarca têm esses caças à disposição porque estão fazendo a transição para caças mais modernos, os F-35 de quinta geração.

“Os F-16 não ajudarão imediatamente no esforço de guerra. De qualquer forma, é um compromisso de longo prazo da Holanda”, disse o holandês. “Queremos que eles estejam ativos e operacionais o mais rápido possível. Não no próximo mês, isso é impossível, mas esperamos que logo em seguida.”

Zelenski afirmou que o anúncio era uma mensagem poderosa para suas forças. “O F-16 certamente dará nova energia, confiança e motivação aos combatentes e civis. Tenho certeza de que ele trará novos resultados para a Ucrânia e para toda a Europa”, disse.

Fonte: UOL

Artigos relacionados

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias