24.7 C
Rondonópolis
domingo, junho 16, 2024

Buy now

Brasil toma virada da Colômbia e perde a segunda seguida pelas Eliminatórias

Nesta quinta-feira, o Brasil foi derrotado pela Colômbia, por 2 a 1, pela quinta rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo. No Estádio Metropolitano de Barranquilla, Martinelli abriu o placar para a Seleção, e Luis Díaz fez os dois dos colombianos.

Com o resultado, a Seleção permanece com sete pontos, na quinta posição da tabela, enquanto a Colômbia vai para terceiro lugar, com nove pontos. Os comandados de Fernando Diniz chegam ao terceiro jogo sem vitória, vindos de um empate para Venezuela e derrota para o Uruguai.

O Brasil segue agora para o último compromisso do ano. Pela sexta rodada das Eliminatórias, a Seleção recebe a Argentina, no Maracanã, no Rio de Janeiro, na próxima terça-feira, às 21h30 (de Brasília).

Mesmo jogando fora de casa, o Brasil não se intimidou e logo mostrou que buscaria o gol a tudo curto. Antes de o relógio completar o primeiro minuto, Renan Lodi finalizou de fora da área e mandou ao lado do gol da Colômbia. Pouco depois, Emerson Royal cruzou na área e Vini Jr cabeceou por cima, com perigo. E, depois dessas duas jogadas, não demorou muito para a Seleção abrir o placar.

Com três minutos, Vini Jr tabelou com Martinelli, apareceu bem na área e concluiu rasteiro para colocar o Brasil em vantagem. A Colômbia só veio arriscar a primeira finalização aos onze minutos. Castaño chutou de longe e Alisson defendeu. Cerca de três minutos depois, Luis Diaz fez boa jogada em cima de Emerson Royal, tocou na área para Carrascal, que finalizou no cantinho para boa defesa do goleiro brasileiro.

Depois de um erro na saída de bola do Brasil, Luis Diaz ficou na cara do gol e novamente parou em Alisson. Depois de um início de primeiro tempo intenso, o Brasil passou a “sofrer”, vendo a Colômbia ter boas oportunidades de igualar o placar. Nesse momento, uma má notícia para Fernando Diniz: o atacante Vini Jr, com dores, precisou deixar o gramado.

Aos 30 minutos, mais uma vez Luis Diaz apareceu com perigo no ataque e ficou cara a cara com Alisson, mas viu André chegar antes e fazer o corte certeiro. Por pouco o Brasil não ampliou em uma finalização perigosa de Rodrygo. Na sequência, James Rodriguez arriscou mais uma vez e mandou próximo ao gol de Alisson.

No segundo tempo, a Seleção voltou melhor no ataque, diferente do que apresentou na reta final da primeira etapa.João Pedro recebeu bem na frente, mas não conseguiu concluir a jogada. Pouco depois, Martinelli fez boa jogada e tocou para Rodrygo, que viu a marcação desarmar a jogada. Na sobra, Bruno Guimarães finalizou com perigo.

Aos oito minutos, Raphinha quase fez o segundo, Ele recebeu passe de Rodrygo na entrada da área e soltou a pancada. Vargas buscou no canto e mandou para fora. Após cobrança de escanteio, João Pedro subiu e cabeceou para fora. Na sequência, a Colômbia chegou com Carrascal e, mais uma vez, Alisson fez a defesa.

Raphinha, aos 22, perdeu chance claríssima de ampliar. Ele recebeu passe de Rodrygo dentro da área e mandou para fora. Em sua primeira chance no jogo, Paulinho desperdiçou A resposta da Colômbia foi rápida e Luis Diaz assustou o Brasil, mandando a bola pelo lado de fora da rede. O camisa 7 colombiano, mais uma vez chegou pela esquerda e viu Alisson defender.

Depois da insistência, os colombianos chegaram ao empate aos 29 minutos. James Rodriguez abriu para Borja na esquerda e o jogador cruzou na área para Luis Díaz, sozinho subir e balançar a rede. Na sequência, Córdoba bateu cruzado para nova defesa de Alisson. Quatro minutos depois, os colombianos viraram o placar. Ríos tocou para trás para James, que mandou na área e encontrou Díaz na área para completar ao gol e virar o jogo.

Na sequência da virada, Diniz fez modificações, promovendo, inclusive a estreia de Endrick, mas não deu tempo de mudar muita coisa e a Seleção conheceu a segunda derrota nas Eliminatórias.

Gazeta Esportiva

Artigos relacionados

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias